Seminário sobre comercialização

Estadão

25 Fevereiro 2011 | 18h31

A Associação de Agricultura Orgânica (AAO-SP), juntamente com o Instituto Kairós, o Espaço da Cultura de Consumo Responsável, e o Movimento Boa Praça promoverão, dia 1 de março, na Câmara Municipal de São Paulo, no auditório Sérgio Vieira de Mello, o seminário Desafios e Benefícios da Produção e Comercialização de Alimentos Orgânicos, com participação de várias instituições ligadas ao setor de orgânicos, não só de São Paulo, mas do País. Entre eles, a Associação de Agricultura Orgânica, o Sebrae, o Ministério da Agricultura, a Ceagesp, a Câmara Setorial de Agricultura Orgânica e Agroecologia, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente e da Prefeitura de São Paulo, entre outras.

O evento começa às 8h50, com o tema “Espaços para venda direta de orgânicos em São Paulo”, com mediação do vereador Gilberto Natalini (PSDB-SP) e participação de Ondalva Serrano (presidente da Associação de Agricultura Orgânica de São Paulo); Ana Flávia Borges Badue, do Instituto Kairós; Marcelo Silvestre Laurino, coordenador da Câmara Setorial de Agricultura Orgânica e Agroecologia; Nivaldo Maia, gerente de Operações da Conab-SP; Maria Judith Magalhães Gomes, delegada federal do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio; Enio Queijada de Souza, do Sebrae nacional; João Carlos de Campos Pimentel, diretor-técnico da Cati-SP; Araci Kamyiama, agrônoma da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo; José Roberto Graziano, supervisor-geral de Abastecimento da Prefeitura de São Paulo; Leda Aschaman, secretária-adjunta do Verde e Meio Ambiente da Prefeitura paulistana.

Às 11h15, está programada a discussão sobre outro tema: “Desafios e benefícios na comercialização de orgânicos”, mediado por Araci Kamiyama, da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo e participação de Cecília Lotufo, do Movimento Boa Praça; Fernando Augusto de Souza, do movimento Mokiti Okada; Fernando Ataliba, produtor rural e consellheiro da AAO; Maria Lúcia Tescaro Roma, presidente da Associação dos Trabalhadores na Transformação de Banana de Peruíbe; João Dias, da organização de cooperativa e venda para PAA e Alimentação Escolar; João Dias de Oliveira, da Associação dos Produtores Orgânicos do Bairro Verava de Ibiúna; Guilhermo Haddad, da Rede Semeando e Sementes de Paz; e Luciana Dias Carbone, comerciante de produtos orgânicos na Ceagesp.

Ao fim dos debates, haverá sugestões de encaminhamentos e apresentação de carta-compromisso, a ser entregue à Câmara Municipal de São Paulo.

Mais informações e inscrições podem ser feitas no telefone (0–11) 3396-4405 ou no site www.natalini.com.br