Confirmados dois casos de gripe suína na Escócia

Estes são os primeiros pacientes da doença registrados no reino Unido; Espanha tem caso

Agências Internacionais,

27 Abril 2009 | 14h29

SÃO PAULO - Autoridades sanitárias escocesas informam que foram confirmados dois casos de gripe suína no país, os primeiros do Reino Unido. Mais cedo, o ministro de Saúde do Reino Unido, Alan Johnson, havia afirmado que três pessoas tinham sido colocadas em  isolamento por suspeita de estarem com a doença, após retornarem do México.

 

Veja também

linkGripe suína registrada em cinco Estados dos Estados Unidos

linkCasal é internado em MG com suspeita de gripe suína

linkCom na Espanha, gripe suína chega à Europa

linkEstado de emergência é 'precaução', diz Obama

linkNão há evidências de casos no Brasil

linkEUA declaram emergência de saúde pública

lista Entenda a doença e saiba como ela é transmitida

mais imagens Galeria: Gripe suína 

 

Ele havia dito que 25 casos de suspeita foram identificados no Reino Unido. Desses, oito deram resultados negativos e 14 ainda estavam sendo analisados, além dos três episódios de isolamento.

O Reino Unido tem estoque de antivirais suficiente para o tratamento de 33 milhões de pessoas, metade da população.

 

O ministro contou que o governo está adotando medidas preventivas. Nos aeroportos, as pessoas que chegam com sintomas são examinadas. Também há plano para fornecer mais informações sobre a doença para o público.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.