Escolas e universidades estaduais adiam volta às aulas em SP

Escolas municipais da capital e universidades acatarão recomendação da secretaria estadual de Saúde

Central de Notícias,

28 Julho 2009 | 19h24

A Prefeitura de São Paulo informa por meio de nota que,  acatando a recomendação da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, divulgada nesta terça-feira, 28, fica adiado o retorno às aulas para o próximo dia 17 de agosto nas Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs) e Escolas Municipais de Ensino Fundamental (EMEFs).

 

linkSiesp recomenda que particulares adiem volta às aulas

linkGripe: escolas estaduais de SP adiam retorno das aulas

linkCidades do Grande ABC decidem manter retorno às aulas

 

Os Centros de Educação Infantil (CEIs), que não têm recesso em julho, permanecerão abertos até esta sexta-feira funcionando normalmente e também para atender aos pais e orientá-los. As aulas nos CEIs serão suspensas a partir de segunda-feira, 3.

 

As atividades externas dos CEUS serão mantidas, ficando fechadas apenas as salas de aula e os teatros. Os funcionários administrativos e professores também entram em recesso em toda a rede municipal.

 

 

A Prefeitura decidiu ampliar as férias escolares após a Secretaria de Estado da Saúde analisar as recomendações e avaliações da Organização Mundial da Saúde, a respeito da propagação do vírus causador da gripe entre estudantes.

 

Além disso, a assessoria de imprensa da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) informou que as três universidades estaduais paulistas (Unicamp, USP e Unesp) também decidiram adiar para 17 de agosto o início das aulas do segundo semestre.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.