Estresse no trabalho danifica o coração das mulheres, diz estudo

Medo de perder o emprego pode prejudicar o coração, também

Associated Press,

14 Novembro 2010 | 15h32

Um novo estudo descobriu que o estresse profissional pode cobrar um preço do coração feminino.

 

Pesquisadores disseram que mulheres com empregos que trazem muita responsabilidade mas pouca autoridade têm 40% mais chance de sofrer um ataque cardíaco ou derrame do que mulheres submetidas a menos estresse.

 

Medo de perder o emprego pode prejudicar o coração, também.

 

Estudos anteriores sobre a relação entre estresse profissional e doença cardíaca concentravam-se nos homens.

 

Este é o maior levantamento já feito sobre os efeitos do estresse do trabalho em mulheres. Envolveu 17.000 mulheres por dez anos.

 

Os resultados foram apresentados neste domingo, numa conferência realizada em Chicago (EUA).

Mais conteúdo sobre:
saúde coração trabalho mulher

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.