Europa recomenda aprovação de duas vacinas contra H1N1

Pandemrix e Focetria foram produzidas pela GlaxoSmithKline e pela Novartis e devem ser liberadas em breve

Reuters,

25 Setembro 2009 | 15h55

Reguladores de saúde europeus recomendaram duas vacinas contra a gripe suína para aprovação nesta sexta-feira, 25, abrindo caminho para programas de vacinação em massa começarem a qualquer momento.

 

Veja também:

especial ESPECIAL: Entenda a gripe suína

especial ESPECIAL: Perguntas e respostas sobre a gripe

 

A Agência Europeia de Medicamentos (EMEA) disse que seu comitê de especialistas deu o sinal verde para as vacinas da GlaxoSmithKline e da Novartis, chamadas Pandemrix e Focetria.

 

Os medicamentos agora precisam apenas da aprovação final da Comissão Europeia, algo que o chefe executivo da EMEA, Thomas Lonngren, afirmou que deverá acontecer "bem rapidamente ... Esperamos que na próxima semana", como parte de um sistema acelerado para regulamentar vacinas de pandemias.

 

Uma terceira vacina, da Baxter, que também foi submetida ao processo de aprovação rápida, não foi aprovada, mas a agência afirmou estar revisando este e outros pedidos.

 

A agência disse estar trabalhando para conseguir toda a informação necessária sobre a vacina da Baxter, enquanto um porta-voz da empresa disse esperar receber uma opinião positiva "em poucos dias".

 

A EMEA acrescentou às aprovações uma recomendação que sejam aplicadas duas doses das vacinas, com um intervalo de três semanas, embora houvesse dados preliminares que sugerissem que apenas uma aplicação seria suficiente.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.