Ministério vai destinar R$ 2 mi para combate à gripe suína no RS

Objetivo é construir 31 postos de atendimento que vão desafogar a rede de hospitais estaduais

Central de Notícias,

10 Julho 2009 | 15h13

O Ministério da Saúde fechou nesta sexta-feira, 10, uma parceria com o governo do Rio Grande do Sul para combater a gripe suína no Estado. De acordo com anúncio do ministro da pasta, José Gomes Temporão, foram liberados mais de R$ 2 milhões para a Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul combater as doenças com maior propagação no inverno, às quais a Gripe A H1N1 se somou neste ano. "É um reforço de recursos para que o Estado possa dar conta da maior demanda (por assistência) da época", justificou, em cerimônia no Palácio Piratini.

 

Veja também:

especial Mapa: veja como a gripe está se espalhando

especialEntenda a gripe suína: perguntas e respostas 

video Infectologista esclarece cuidados que serão tomados 

mais imagens Veja galeria de fotos da gripe suína pelo mundo   

som 'Meios de transportes facilitam a propagação'

documento Folheto oficial do Ministério da Saúde   

 

O secretário da Saúde, Osmar Terra, disse que a verba será usada no pagamento que o Estado faz aos hospitais, médicos e laboratórios pelo atendimento à comunidade, que sempre cresce nesta época do ano. "A gripe A H1N1 não aumenta a demanda por internações porque tem poucos casos graves, mas aumenta a demanda por consultas e exames", explicou.

 

O objetivo do acordo é construir 32 Unidades de Pronto Atendimento (Upas), que vão operar como minipronto-socorros, para desafogar a rede de hospitais.

 

 

Neste ano, vão ser montadas 16 unidades em igual número de municípios de diferentes regiões. O Ministério da Saúde entra com R$ 34 milhões para obras e equipamentos. Já a manutenção das 16 Upas exigirá R$ 74 milhões: a União dará R$ 37 milhões e os demais R$ 37 milhões serão compartilhados entre Estado (50%) e municípios (50%). O prazo de conclusão de cada unidade é de seis meses, mas a primeira estará pronta em 30 dias.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína vírus A (H1N1)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.