Thais Pedrazzi/Divulgação
Thais Pedrazzi/Divulgação

No RS, médicos liberam visita de cavalo a paciente após cirurgia

O aposentado não estava se recuperando bem até que o animal foi levado ao hospital: 'foi impressionante a mudança de humor', disse o médico

Lucas Azevedo, Especial para O Estado

11 Abril 2017 | 19h59

PORTO ALEGRE - Preocupados com a recuperação de um paciente que custava a melhorar, médicos gaúchos resolveram liberar uma visita inusitada em um hospital de Porto Alegre. Na semana passada, a entrada de ambulâncias do Hospital Mãe de Deus foi realocada momentaneamente para que Esquilador, um cavalo de meia tonelada, pudesse visitar seu dono, o aposentado Francisco Carlos Ferreira Mena, de 65 anos, que se recupera de uma cirurgia.

Segundo a equipe que cuida de Mena, ele não vinha respondendo ao tratamento como o esperado. Até que um dia, o próprio aposentado sugeriu que ganhasse uma visita do grande amigo, já que o hospital possui a prática de aproximar pacientes internados com seus animais de estimação. Até então, apenas cães - devidamente vacinados - eram permitidos em uma ala da instituição.

O hospital desenvolve uma metodologia de tratamento humanizado que trabalha desde a flexibilização do horário de visita aos pacientes até a sensibilização dos colaboradores para uma maior atenção. Foi o que ocorreu com Mena. 

"Em uma conversa com a equipe ele disse estar com saudade do cavalo. Nós agilizamos e programamos toda a vinda do animal ao hospital. Quando falamos para ele, foi impressionante a mudança de humor. Até ao salão de beleza ele quis ir. Tomou banho, ficou feliz da vida. Teve uma recuperação muito interessante", explica o superintendente executivo do Sistema de Saúde Mãe de Deus, dr. Alceu Alves da Silva.

Depois de mais de 80 dias internado, Mena recebeu alta na tarde desta terça-feira. 

 

Mais conteúdo sobre:
PORTO ALEGRE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.