Divulgação
Divulgação

Número de casos suspeitos de febre amarela já passa de mil

75 mortes pela doença foram confirmadas; MG reúne maior parte dos registros

Lígia Formenti, O Estado de S. Paulo

08 Fevereiro 2017 | 19h27

BRASÍLIA - O número de notificações de febre amarela já supera a marca de mil. Até quarta, foram contabilizados 1.065 pacientes com sintomas da infecção e 166 morreram. Do total de registros, 215 foram confirmados e 765 estão ainda estão em investigação. 

Das mortes suspeitas de terem sido provocadas pela febre amarela, 75 foram confirmadas, 3 foram descartadas e as demais permanecem em investigação, de acordo com dados divulgados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Saúde de Minas.

A maior parte dos casos está registrada em Minas. Foram 908 notificações, com 190 confirmações até o momento. Embora expressivamente menor do que os indicadores mineiros, outros Estados apresentam também números altos quando comparados com epidemias de anos anteriores. Em Minas, as notificações  de casos suspeitos foram feitas em 71 cidades.  

 

 

Mais conteúdo sobre:
BRASÍLIA Ministério da Saúde

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.