1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Registros de dengue aumentam 48% no País

- Atualizado: 11 Fevereiro 2016 | 23h 57

Foram registrados 73.872 casos de dengue de 3 até 23 de janeiro, ante 49.857 no mesmo período do ano passado

O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika, da dengue e da chikungunya

O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika, da dengue e da chikungunya

O governo federal divulgou, nesta quinta-feira, 11, os primeiros números do ano de dengue, que mostram um avanço de 48,2% nos casos - e indicam ainda mais a necessidade de combate ao vetor das duas doenças, o Aedes aegypti, foco de um mutirão nacional marcado para sábado.

Foram registrados 73.872 casos de dengue de 3 até 23 de janeiro, ante 49.857 no mesmo período do ano passado. Em todo o ano de 2015, houve o recorde de 1.649.008 casos da doença, avanço de 178% em comparação com 2014 (569.160 casos). Os números ainda superaram em 10% os de 2013, com 1.452.489 casos.

O balanço indica, no entanto, redução no número de casos graves - de 80, em 2015, para 9 nas três primeiras semanas de 2016. Além disso, o número de mortes teve redução de 50 para 4. Em todo 2015, a dengue foi responsável por 843 mortes. 

Conforme o boletim do ministério, até a terceira semana de janeiro, 22 unidades da federação confirmaram laboratorialmente autoctonia de zika. Além disso, também foram confirmados laboratorialmente dois óbitos por zika vírus no País: um em São Luís (MA) e outro em Benevides (PA).

Dicas para evitar o mosquito 'Aedes aegypti'
James Gathany/CDC/AP
'Aedes aegypti'

O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika vírus, da dengue e da chikungunya; veja a seguir dicas para evitá-lo

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em SaúdeX