1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Rússia registra primeiro caso de zika

- Atualizado: 15 Fevereiro 2016 | 09h 18

Vítima é uma mulher que passou férias na República Dominicana; segundo autoridades de saúde, seu estado é 'satisfatório'

MOSCOU - A Rússia anunciou nesta segunda-feira, 15, o primeiro caso de zika vírus no país, em uma mulher infectada na República Dominicana, para onde tinha viajado de férias. De acordo com as autoridades russas, a paciente está internada no setor de infecções de um hospital de Moscou e seu estado é "satisfatório".

A mulher não apresentou sintomas da doença ao regressar das férias, mas depois de alguns dias começou a ter mal-estar generalizado e febre. "As provas do laboratório revelaram a presença do vírus nas mostras biológicas da paciente", informou o governo russo.

O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika, da dengue e da chikungunya

O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika, da dengue e da chikungunya

As autoridades sanitárias russas mantêm sob alerta os familiares mais próximos da mulher infectada, embora os exames clínicos feitos tenham dado negativo.

5 orientações da OMS sobre o zika vírus
REUTERS
Mulheres grávidas devem estar preocupadas com o zika vírus?

Embora os sintomas associados com zika sejam geralmente leves, uma possível associação foi observada entre o aumento anormal de zika e casos de microcefalia no Brasil desde 2015.

O avião que transportou a mulher, moradora de Moscou, voltou à Rússia e foi desinfetado "para evitar riscos à saúde dos passageiros", disse uma fonte.

O zika vírus foi detectado em cerca de 30 países na América Latina e no Caribe, além de casos levados a outras regiões por turistas. /EFE

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em SaúdeX