SP tem dois casos de presos infectados pela gripe suína

Os presos são da Penitenciária de Ribeirão Preto e do Centro de Detenção Provisória de Sorocaba

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

13 Agosto 2009 | 18h23

A Secretaria da Administração Penitenciária de São Paulo confirmou nesta quinta-feira, 13, dois casos de presos infectados pelo vírus da gripe suína no Estado. Os presos são da Penitenciária de Ribeirão Preto e do Centro de Detenção Provisória de Sorocaba. Segundo a secretaria, os dois passam bem.

 

Veja também:

especial Entenda a gripe suína

especial Perguntas e respostas sobre a gripe

 

A confirmação do exame do preso de Ribeirão Preto foi dada pela Vigilância Epidemiológica do município por telefone. A assessoria da secretaria informou ainda que outros três detentos estão com suspeita de terem contraído a nova gripe. Para as unidades que tem casos suspeitos da doença foram providenciados gel antisséptico e máscaras para presos e funcionários que tenham contato direto com eles.

 

A secretaria orienta os presídios para que ao terem a confirmação da doença, façam com que o detento portador da gripe H1N1 permaneça internado num hospital. Dessa forma, o órgão competente da Secretaria da Saúde irá adotar as providências necessárias.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.