Paciente com Ebola em Nova York fala com família pelo celular

Paciente com Ebola em Nova York fala com família pelo celular

Prefeito da cidade de Nova York disse que autoridades de saúde estão rastreando os passos dados por Craig Spencer

O Estado de S. Paulo

24 Outubro 2014 | 15h52

O médico que recebe tratamento para Ebola em um hospital de Nova York está acordado e falando com a família e amigos por meio de um celular, disse a comissária de saúde da cidade, Mary Travis Bassett, nesta sexta-feira.

O médico Craig Spencer, um nova-iorquino de 33 anos que trabalhou recentemente com pacientes de Ebola na África Ocidental, não possuía a temperatura elevada antes da manhã de quinta-feira, afirmou a comissária em uma coletiva de imprensa.

O prefeito da cidade de Nova York, Bill de Blasio, disse nesta sexta-feira que as autoridades de saúde estão rastreando os passos dados por Spencer. De Blasio disse que os nova-iorquinos não deveriam se preocupar e devem manter suas rotinas normais. /COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Mais conteúdo sobre:
EUAEbolaNova York

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.