13 pessoas já morreram de febre amarela no Rio em 2018

13 pessoas já morreram de febre amarela no Rio em 2018

O caso e a morte mais recentes foram registrados em Rio das Flores, no sul do Estado

Fabio Grellet, Rio, O Estado de S.Paulo

01 Fevereiro 2018 | 21h20

Treze pessoas já morreram acometidas por febre amarela no Estado do Rio de Janeiro em 2018, segundo boletim divulgado nesta quinta-feira (1) pela secretaria estadual de Saúde. O número de casos chegou a 34. Em relação ao balanço anterior, de quarta-feira (31), foram confirmadas mais uma morte e um caso.

Vigilância confirma primeira morte por febre amarela no Vale do Paraíba

Novo medicamento é testado contra a febre amarela em dois Estados

Ministro da saúde garante que há medicamentos para imunizar brasileiros 

Tanto o caso como a morte mais recente ocorreram em Rio das Flores, no sul do Estado.

Continua em 12 o número de municípios onde foram registrados casos de febre amarela.

O município com mais casos continua sendo Valença (14, com quatro mortes), seguido por Teresópolis (4 casos e duas mortes) e Sumidouro (4 casos e uma morte), Duas Barras, Cantagalo e Rio das Flores (2 casos em cada, com uma morte em Cantagalo e duas em Rio das Flores), Carmo, Vassouras, Petrópolis (1 caso em cada município), Paraíba do Sul, Miguel Pereira e Nova Friburgo (1 caso e uma morte em cada município).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.