SIM/PRO-AIM/CEInfo/SMS-SP
SIM/PRO-AIM/CEInfo/SMS-SP

95 dos 96 distritos da capital paulista já registram morte suspeita ou confirmada por coronavírus

Maior número de óbitos está concentrado nos bairros da periferia de São Paulo

Fabiana Cambricoli e Paula Felix, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2020 | 13h25

Dados divulgados nesta quinta-feira, 16, pela Secretaria Municipal da Saúde mostram que 95 dos 96 distritos da capital paulista já registram morte suspeita ou confirmada por coronavírus. Confira o mapa completo no final desta reportagem.

O maior número de óbitos está concentrado nos bairros da periferia. A pasta não divulgou o dado detalhado de quantos dos óbitos são suspeitos e quantos são confirmados, mas os números somados apontam que o distrito Freguesia/Brasilândia, na zona norte de São Paulo, é o campeão de ocorrências, com 33 mortes.

Sapopemba e Itaquera, na zona leste, aparecem em seguida, com 28 e 27 vítimas, respectivamente. O distrito da Sé é o único a não ter registrado nenhuma morte suspeita nem confirmada pela covid-19.

Distritos da zona oeste, como Lapa e Pinheiros, que em boletim epidemiológico anterior da secretaria apareciam como campeões de casos confirmados registram menos mortes do que bairros periféricos. São 9 mortes na Lapa, 9 em Pinheiros, 12 em Perdizes e duas no Alto de Pinheiros.

Embora não traga o detalhamento de quantas das mortes são confirmadas, o mapa da secretaria indica que o maior número de mortes suspeitas está nas periferias, provavelmente pela dificuldade da população mais pobre e dependente do SUS ter acesso a testes e resultados rápidos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.