Daniel Teixeira/ Estadão
Daniel Teixeira/ Estadão

'A adrenalina é substituída pela razão', diz  fotojornalista do 'Estado'

Daniel Teixeira relata 'perder a noção da hora' andando pelas ruas de São Paulo

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

12 de abril de 2020 | 04h59

Daniel Teixeira, de 41 anos, fotojornalista do 'Estado'. Morador de Bragança. Paulista, interior de São Paulo. Casado, um filho.

Não preciso esperar o sinal fechar para atravessar a avenida. Perco a noção da hora andando pelas ruas de São Paulo iluminadas apenas pelas luzes dos postes. Não esbarro em mais ninguém nas calçadas, aliás, não devo. Também não posso apertar a mão ou abraçar mais ninguém além de meu filho e mulher depois de um processo de higienização que me obriga a recusar as boas-vindas do menino.

766E3C01-53A8-483E-9B06-CCE0C7108013
O mundo parou e qualquer fotojornalista se sente compelido em ir às ruas num momento como esse
E0EAB005-9061-4B3D-86B9-AEB61693E313
Daniel Teixeira, Fotojornalista do 'Estado'

A sensação de ver os fatos de perto, mais do que qualquer um, e extrair um trabalho em que possa não só informar, contar história, e também, quem sabe, inspirar e compadecer, é quase um vício. Mas esse entusiasmo pode trazer perigo.

É parte do ofício. Com a experiência, aprende-se a medir essa distância respeitando os riscos, mas desta vez o perigo pode estar em qualquer lugar. O entusiasmo dá lugar à preocupação pelas pessoas de casa.

Não é como apanhar da polícia ou levar uma pedrada numa manifestação. Vai além da empatia por alguém que não conheço e chora pela morte do filho. Desta vez, a adrenalina de fotografar é substituída pela razão como nunca antes.

Para Entender

Coronavírus: veja o que já se sabe sobre a doença

Doença está deixando vítimas na Ásia e já foi diagnosticada em outros continentes; Organização Mundial da Saúde está em alerta para evitar epidemia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.