Arquivo/AE
Arquivo/AE

Anvisa prorroga adequação às novas regras sobre creatina e cafeína

Fabricantes tem até 27 de abril de 2012 para realizar alterações nos rótulos e produtos; liberação do uso das substâncias em alimentos para atletas está sendo monitorado

Agência Brasil

07 de novembro de 2011 | 16h06

BRASÍLIA - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) prorrogou por mais seis meses o prazo de adequação às novas regras referentes à liberação do uso da creatina e da cafeína em alimentos para atletas.

A decisão da agência, publicada na edição desta segunda, 7, do Diário Oficial da União, foi motivada por um pedido do setor para evitar a descontinuidade na produção. Com isso, o prazo para adequação dos rótulos e produtos será 27 de abril de 2012.

Para alguns atletas, o uso correto dessas duas substâncias auxilia no desempenho durante exercícios repetitivos de alta intensidade e curta duração e na resistência aeróbica, de acordo com a Anvisa.

Apesar de a liberação da creatina e da cafeína ser uma reivindicação antiga dos produtores de alimentos para atletas, elas não podiam ser comercializadas no Brasil, na forma de suplementos destinados a atletas.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.