Arquivo/Jonathas Marcelo
Arquivo/Jonathas Marcelo

Aparecida autoriza reabertura gradual do Santuário Nacional em 28 de julho

Decreto também permite a reabertura da rede hoteleira e da feira livre, ambas com capacidade reduzida

Sandy Oliveira, O Estado de S.Paulo

01 de julho de 2020 | 05h00

TAUBATÉ - O Santuário Nacional de Aparecida, no interior de São Paulo, irá reabrir as portas para missas com fiéis a partir de 28 de julho. A Prefeitura de Aparecida publicou um decreto na última segunda-feira, 29, em que estabelece o cronograma para a reabertura gradual do Santuário Nacional. 

O documento autoriza a Basílica a reabrir as portas para missas com fiéis a partir de 28 de julho, com capacidade reduzida e seguindo protocolos de segurança. O decreto também divulga datas para a reabertura dos hotéis e da tradicional feira livre.

O protocolo de segurança do Santuário Nacional deverá ser apresentado em 10 de julho, assim como da rede hoteleira. O protocolo da feira livre e do Centro de Apoio ao Romeiro serão apresentados em 27 de julho.

O decreto determina que essas datas serão cumpridas somente se a região seguir na fase 2 ou avançar no Plano São Paulo (entenda como funciona). Além disso, que os índices de saúde em Aparecida estejam inferiores ao previsto no Plano São Paulo para a fase laranja.

Na última sexta-feira 26, a Basílica da Padroeira do Brasil recebeu a visita de equipes da Secretaria de Saúde e do Comitê de Crise da Prefeitura de Aparecida. Na ocasião, foram apresentados os protocolos que o Santuário Nacional desenvolveu para a retomada das celebrações com a presença de fiéis.

Confira o cronograma:

- 28 de julho: reabertura das celebrações litúrgicas do Santuário Nacional com capacidade reduzida;

- 28 de julho: reabertura da rede hoteleira e pousadas do município com capacidade reduzida (30% de ocupação);

- 04 de agosto: reabertura das galerias e Centro de Apoio ao Romeiro, exceto praças de alimentação;

- 15 de agosto: reabertura gradual da feira livre com capacidade reduzida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.