Após prorrogação pela gripe suína, alunos voltam às aulas em SP

Em Minas, onde as aulas também foram adiadas, alunos voltaram às escolas na segunda, dia 10

Fabiana Marchezi e Solange Spigliatti, Central de Notícias, Agencia Estado

11 Agosto 2009 | 12h31

A Secretaria da Educação de São Paulo confirmou nesta terça-feira, 11, o retorno às aulas nas escolas da rede estadual para a próxima segunda-feira, dia 17, após a prorrogação de quinze dias das férias escolares em razão da pandemia de Influenza A (H1N1). Em Minas Gerais, Estado que também adiou o retorno às aulas por causa da gripe, os estudantes voltaram para a escola na segunda, dia 10.

 

De acordo com a secretaria, ficará a cargo de cada unidade a adequação de seu próprio calendário escolar, desde que cumpra com o artigo nº 24, inciso 1º da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que fala sobre a obrigatoriedade de 200 dias letivos anuais.

Nas escolas que já tinham voltado às suas atividades, as aulas foram interrompidas e nas que estavam previstas para retornar no dia 3, as férias foram prorrogadas seguindo orientações da Secretaria da Saúde. A decisão de adiar as atividades escolares tem o objetivo de tentar reduzir a transmissão do vírus da gripe suína entre estudantes.

 

Minas

Em Minas Gerais, os cerca de 2,5 milhões de alunos da rede pública estadual voltaram às aulas ontem. De acordo com a Secretaria de Educação todas as instituições de ensino receberão durante esta semana recurso extra para aquisição de material de limpeza, higiene pessoal e álcool em gel. O investimento é de R$ 4 milhões e cada escola receberá entre R$ 500,00 e R$ 2 mil, de acordo com o número de alunos.

A orientação das secretarias de Estado de Saúde e Educação é para que os alunos que apresentarem qualquer sintoma de gripe fiquem em casa. O kit com material gráfico educativo, máscaras cirúrgicas e luvas já estará disponível em cada uma das escolas até o final da semana, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde. O material informativo sobre a nova gripe está disponível na internet.

Exames

Ainda em Minas Gerais, a Fundação Ezequiel Dias (Funed) vai ajudar a preparar os kits de tratamento para o combate à gripe suína, além de realizar os exames para confirmação da doença.

 

A previsão é de que no máximo em 15 dias os exames sejam realizados pelo Instituto Otávio Magalhães, um dos principais laboratórios da Funed, e sejam produzidos cerca de 14 mil tratamentos. Segundo a pasta, a Funed possui a matéria bruta para processar os kits, que foram repassados pelo Ministério da Saúde.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína Brasil aulas SP MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.