Argentina começará a produzir vacina contra a gripe A

Governo argentino disse que a produção será realizada em um laboratório argentino e outro estrangeiro

Efe,

13 de novembro de 2009 | 15h49

A Argentina vai começar a produzir a vacina contra a gripe A, anunciou nesta sexta-feira, 13, a presidente do país, Cristina Fernández de Kirchner. Ao inaugurar em Buenos Aires um simpósio sobre células-tronco, a chefe do Estado afirmou que a produção da vacina vai exigir "um grande investimento" e demandar a contratação de 250 profissionais altamente qualificados.

 

Veja também:

linkGripe suína já matou 3.900 pessoas e contaminou 22 milhões nos EUA

linkAntivirais podem evitar mortes por vírus H1N1, diz OMS

 

Cristina disse que a iniciativa, a qual não detalhou a data de início, será realizada por um laboratório argentino e outro estrangeiro, e revelou que nesta quinta-feira assinou um decreto que declara "de interesse nacional" a produção da vacina.

 

Segundo a informação mais recente do Ministério da Saúde, 600 pessoas morreram na Argentina devido à gripe A.

Tudo o que sabemos sobre:
Argentinavacinagripe A

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.