Astronautas de EUA e Rússia decolam rumo à Estação Espacial

Dois astronautas norte-americanos e um russo decolaram na terça-feira do Cazaquistão a bordo da nave Soyuz, com destino à Estação Espacial Internacional.

IRENE KLOTZ, REUTERS

15 Junho 2010 | 20h20

O foguete partiu de Baikonur às 18h35 (hora de Brasília), marcando o centésimo voo em direção ao complexo orbital, um projeto de 16 países e 100 bilhões de dólares que está prestes a ser concluído, após uma década de obras a 354 quilômetros de altura.

A bordo da nave russa viajam o cosmonauta Fyodor Yurchikhin, que já foi comandante da Estação e volta para uma segunda temporada, e dois norte-americanos: o veterano Douglas Wheelock e a caloura Shannon Walker.

O trio fará parte da 24a tripulação residente da Estação, sob o comando do cosmonauta russo Alexander Skvortsov, que viajou em 2 de abril, junto com seu compatriota Mikhail Kornieinko e a norte-americana Tracy Caldwell Dyson.

Com a chegada de Walker, pela primeira vez a Estação terá duas residentes mulheres. "Estou muito feliz e um pouquinho apreensiva," disse ela em russo a jornalistas em entrevista coletiva antes do lançamento.

A chegada à Estação está prevista para quinta-feira às 19h25 (hora de Brasília).

Mais conteúdo sobre:
CIENCIA SOYUZ DECOLAGEM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.