Divulgação
Divulgação

BNDES investe R$ 97,2 mi em projeto de vacina do Butantã contra a dengue

Valor aportado pelo banco corresponde a 31% do investimento total no projeto, que chega a R$ 305,5 milhões

Vinicius Neder, O Estado de S. Paulo

03 Janeiro 2017 | 15h36

RIO - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) financiará parte do projeto da Fundação Butantã de desenvolvimento de uma vacina contra a dengue com R$ 97,2 milhões. Os recursos serão usados para custeio de ensaios clínicos e construção de uma planta de escalonamento que fornecerá vacina tetravalente contra a dengue, informou na tarde desta terça-feira, 3, o banco de fomento.

Mais cedo, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e a diretora da Área de Indústria e Serviços do BNDES, Cláudia Prates, assinaram o contrato de financiamento. 

Segundo o BNDES, os recursos vêm do Fundo Tecnológico do BNDES (BNDES Funtec). Não se trata de um empréstimo, mas de uma operação não reembolsável. O valor aportado pelo BNDES corresponde a 31% do investimento total no projeto, que chega a R$ 305,5 milhões, ainda conforme o banco de fomento.

"Composto de partes do lucro do Banco, o BNDES Funtec apoia projetos de pesquisa aplicada, desenvolvimento tecnológico e inovação", diz a nota divulgada pelo BNDES. 

Mais conteúdo sobre:
Vacina Dengue Bndes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.