Bolívia admite que epidemia da dengue está 'fora de controle'

O Ministério da Saúde informou que os infectados com dengue clássica subiram para 6.699 durante este mês

Efe,

29 de janeiro de 2009 | 20h38

O Governo da Bolívia reconheceu nesta quinta-feira, 29, que a epidemia da dengue está "fora de controle", e confirmou que, até agora, deixou quatro mortos em sua variante hemorrágica, e negou as informações da imprensa que falam de uma quinta vítima. Veja também:Oito cidades de MG correm risco de epidemia de dengueEspírito Santo registra morte por suspeita de dengueRio teve 259.392 casos de dengue em 2008Confirmados 17 casos de dengue na fronteira Paraguai-BrasilRio tem 42 casos de dengue na primeira quinzena de janeiroCasos de dengue diminuem 89,5% em 2008 em Santos Após 6 meses, São Paulo volta a registrar casos de dengueVibração das asas do Aedes pode ajudar no controle da dengueEspecial: O avanço da dengue  O Ministério da Saúde informou que os infectados com dengue clássica subiram para 6.699 durante este mês, enquanto os do tipo hemorrágico se mantêm em 11, dos quais quatro morreram. Apesar de a imprensa falar em cinco mortes, até o momento só foram confirmadas duas em Santa Cruz, leste, uma em La Paz e uma em Cochabamba, centro, onde uma menina de 17 anos morreu, disse à Agência Efe o chefe de Epidemiologia do ministério, Juan Carlos Arraya. Por sua parte, o ministro da Saúde, Ramiro Taipa, declarou na cidade de Santa Cruz, a mais afetada pela epidemia, que "a situação está fora de controle, mas o Governo nunca deixou de prestar atenção". Nessa região, o número de casos chegou a 6.106. No próximo fim de semana, organismos do Governo dirigirão junto com o Exército uma mobilização de vários setores sociais para fazer uma campanha de limpeza em Santa Cruz, enquanto no campo haverá fumigações nos focos da doença.

Tudo o que sabemos sobre:
dengueBolívia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.