Reprodução
Reprodução

Brasil dobra produção de remédio contra doença de Chagas

País é o único produtor do medicamento; doença mata 14 mil pessoas por ano

Efe,

19 de outubro de 2011 | 17h20

 Rio de Janeiro - O Brasil vai dobrar a produção de benzonidazol, remédio contra a doença de Chagas, e prevê entregar aos organismos de cooperação 3,425 milhões de comprimidos até o final do ano, anunciou nesta quarta-feira, 19, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Os remédios atenderão pacientes da Argentina, Bolívia, Colômbia, Paraguai, Venezuela e Uruguai, segundo informou o ministro.

A solicitação de aumento da produção partiu da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e da Organização Mundial da Saúde (OMS), que detectaram um aumento da demanda na ordem de 113%.

"Vamos responder a toda demanda solicitada pela OPAS e pela OMS. Assumimos o compromisso e vamos fazer a entrega imediata de 225 mil comprimidos para os Médicos sem Fronteiras", disse Padilha em entrevista coletiva no Rio de Janeiro, ao lado da diretora geral da OMS, Margaret Chan.

O resto da produção, cerca de 3,2 milhões de comprimidos, será entregue às organizações internacionais até o final de dezembro.

O Brasil é o único produtor de remédios contra a doença de Chagas, cuja fabricação desde 2008 está a cargo do laboratório público Lafepe após adquirir as reservas e matérias-primas da Roche, que parou de produzi-lo.

O Mal de Chagas é uma doença parasitária tropical presente principalmente na América Latina e tem como vetores de transmissão insetos como o barbeiro.

A doença, que pode provocar insuficiência cardíaca e transtornos do sistema digestivo, mata 14 mil pessoas por ano e pode ter infectado cerca de oito milhões de pessoas nos 21 países endêmicos.

O anúncio do incremento da produção do remédio foi feito durante a abertura da Conferência Mundial sobre os Determinantes Sociais da Saúde, organizada pela OMS, que começa hoje e reúne autoridades sanitárias de 120 países até a próxima sexta-feira no Rio de Janeiro.

Tudo o que sabemos sobre:
doença de ChagasbenzonidazolOMS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.