Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Brasil recebe novos lotes e chegará a 100 milhões de vacinas da Pfizer

Remessas deste domingo completam o montante comprado pelo Ministério da Saúde em março; segundo contrato prevê mais 100 milhões até dezembro

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de outubro de 2021 | 13h39

Mais de três milhões de doses da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Pfizer com a BioNTech desembarcaram no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, neste domingo, 3. Um quarto lote, com 1,1 milhão de unidades, é previsto para chegar até o fim do dia, totalizando os 100 milhões de imunizantes comprados pelo Ministério da Saúde em março.

Pela madrugada e manhã, chegaram três lotes, de 1,5 milhão, 520,6 mil e 854,1 mil doses. A previsão inicial de desembarque era para o sábado, 2. O imunizante é o único liberado até o momento no País para a aplicação em adolescentes de 12 anos ou mais. 

Com a entrega do último lote do dia, os fabricantes terão enviado ao País todos os cerca de 100 milhões de imunizantes do primeiro contrato, assinado em 19 de março. Há, ainda, um segundo contrato, de 14 de maio, que prevê o recebimento do mesmo montante entre outubro e dezembro deste ano.

Segundo o Ministério da Saúde, das 294 milhões de doses distribuídas pelo governo federal, mais de 84 milhões são da produzida pela Pfizer/BioNTech. O Brasil está com 43,7% da população com o esquema vacinal completo./COM INFORMAÇÕES DA AGÊNCIA BRASIL

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.