Brasil tem 9 casos confirmados e 13 suspeitos de H1N1

Para os casos confirmados, está sendo realizado busca ativa das pessoas que tiveram contato com pacientes

Fabiana Marchezi, da Central de Notícias,

22 Maio 2009 | 16h35

Subiu para 13 o número de pessoas com suspeita de influenza A (H1N1), a gripe suína, no Brasil, segundo informou o Ministério da Saúde nesta sexta-feira, 22. Os casos suspeitos estão sendo acompanhados nos Estados de São Paulo (5), Rio de Janeiro (4), Paraná (2), Distrito Federal (1) e Rondônia (1). O total de casos confirmados chegou a nove na quinta-feira, 21.

 

Veja também:

especial Mapa: veja como a gripe está se espalhando

especialEntenda a gripe suína: perguntas e respostas 

video Infectologista esclarece cuidados que serão tomados 

mais imagens Veja galeria de fotos da gripe suína pelo mundo   

som 'Meios de transportes facilitam a propagação'

documento Folheto oficial do Ministério da Saúde

 

O ministério também monitora outros 13 pacientes em oito Estados. Já foram descartados 293 casos.

O nono caso confirmado está em São Paulo, e é um paciente que chegou dos Estados Unidos na última terça-feira, 19. Ele está em tratamento e passa bem.

 

Os outros oito casos foram confirmados nos Estados do Rio de Janeiro (3), São Paulo (2), Minas Gerais (1), Rio Grande do Sul (1) e Santa Catarina (1). Todos os pacientes foram tratados e já receberam alta.

 

Para todos os casos, estão sendo realizados busca ativa e monitoramento de todas as pessoas que estabeleceram contato próximo com esses pacientes.

Na quinta-feira, 21, 18 novos casos foram descartados por exames laboratoriais com resultado negativo.

 

Os testes estão sendo realizados nos três laboratórios de referência do ministério: Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro; do Instituto Adolf Lutz, em São Paulo; e do Instituto Evandro Chagas, em Belém, no Pará.

Mais conteúdo sobre:
gripe suína influenza A(H1N1)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.