Sandro Zanzinger/ Westlicht/ Reprodução Facebook
Sandro Zanzinger/ Westlicht/ Reprodução Facebook

Câmera que esteve na Lua é leiloada por 660 mil euros

Objeto levado à lua pela missão Apollo 15, em 1971, foi comprado por empresário japonês

Efe

23 Março 2014 | 14h33

VIENA - A galeria de fotografia Westlicht, de Viena, leiloou na noite desse sábado uma câmera Hasselblad, a única que tirou fotos na Lua, por 660 mil (o equivalente a R$ 2,1 milhões). Em comunicado, a galeria informou que o comprador da câmera é o empresário japonês Terukazu Fujisawa, fundador da rede de lojas de produtos eletrônicos Yodobashi Camera.

A câmera foi usada pelo astronauta americano Jim Irwin na missão da Apollo 15 em 1971 e tinha um preço inicial no leilão de 80 mil (R$ 256 mil). Segundo o comunicado da Westlicht, o elevado preço pago "mostra a incessante fascinação com a aterrissagem na Lua".

A câmera tirou no total 299 fotos da superfície lunar durante a missão da Apollo 15. Depois que todas as demais câmeras usadas nessa missão foram deixadas na Lua para liberar espaço na cápsula para amostras de minerais, a Hasselblad de Irwin passou a ser a única que esteve no satélite a voltar à Terra.

A câmera será exposta no Museu particular de Terukazu Fujisawa, informou a galeria Westlicht. "Acho que a câmera recebeu o preço (adequado) se for levado em conta a história. Nenhuma outra esteve na lua e voltou", disse o diretor da galeria, Peter Coeln.

Mais conteúdo sobre:
Câmera Apollo 15

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.