Campanha de vacinação contra paralisia é prorrogada no Rio Grande do Sul

Os motivos da prorrogação foram as chuvas e o frio intenso em algumas regiões do Estado

Solange Spigliatti, Central de Notícias

15 de agosto de 2010 | 17h49

São Paulo, 15 - A segunda etapa da campanha nacional de vacinação contra a Poliomielite (paralisia infantil) foi prorrogada até a próxima sexta-feira, 20, no Rio Grande do Sul. A imunização estará disponível em todas as unidades básicas de saúde a partir desta segunda-feira, 16.

Segundo o Governo do Estado, por meio do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, os motivos da prorrogação foram as chuvas, principalmente no Litoral Norte, e o frio intenso em algumas regiões durante o sábado, 14.

Dados preliminares do Sistema de Informações do Plano Nacional de Imunizações registravam às 11h deste domingo, 15, mais de 500 mil crianças menores de cinco anos imunizadas no sábado, equivalente a 71,2% da população estimada nesta faixa (704.415 crianças).

O índice de cobertura ainda deve aumentar assim que os municípios repassarem seus balanços ao Ministério da Saúde. A meta é alcançar pelo menos 95% das crianças desta idade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.