Casos da gripe suína no mundo beiram os 56 mil

De acordo com o boletim da OMS divulgado nesta quarta, 238 pessoas já morreram em decorrência da doença

Efe,

24 Junho 2009 | 11h56

O número de infectados pelo vírus A (H1N1), a gripe suína, em todo o mundo chegou a 55.867, informou nesta quarta-feira, 24, a Organização Mundial da Saúde (OMS) por meio de boletim oficial. Ainda segundo o órgão, 238 pessoas já morreram em decorrência da doença.

 

Veja também:

especial Mapa: veja como a gripe está se espalhando

especialEntenda a gripe suína: perguntas e respostas 

video Infectologista esclarece cuidados que serão tomados 

mais imagens Veja galeria de fotos da gripe suína pelo mundo   

som 'Meios de transportes facilitam a propagação'

documento Folheto oficial do Ministério da Saúde 

 

Segundo o relatório, desde a última contagem de casos, foram registradas 3.707 novas ocorrências de infecções e 7 de novas mortes. Os EUA seguem como o país com o maior número de infectados, com 21.449, e 87 falecimentos. Esses dados, entretanto, permanecem sem alteração há dois dias.

 

Já no México, que tem 7.847 casos e 115 mortos, registrou 223 novas infecções e outras duas mortes desde o último boletim da OMS.

 

No Canadá, foi informado que 747 casos novos foram registrados, assim como duas novas ocorrências de morte, confirmando uma rápida expansão no vírus do país, que já infectou 6.457 pessoas e matou 15.

 

Seguem, por quantidade de número de casos, o Chile (4.315), Reino Unido (2.905), Austrália (2.857) e Argentina (1.213).

Mais conteúdo sobre:
gripe suína gripe influenza A H1N1 OMS

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.