Casos de salmonelose chegam a 756 nos Estados Unidos

Origem do surto ainda não foi determinada; doença tem como sintomas febre, diarréia e cólicas

Efe,

27 de junho de 2008 | 05h13

Os casos de salmonelose nos Estados Unidos, onde o consumo de tomates contaminados causou um surto da doença, aumentaram para 756, informou nesta quinta-feira, 26, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês). Um comunicado do CDC atribui o aumento à atualização dos casos que ainda estavam sob análise em laboratórios, e não a novas infecções. A salmonelose, que tem como sintomas febre, diarréia e cólicas, geralmente é causada pelo consumo de alimentos contaminados por fezes de animais. O CDC informou que, até o momento, 95 pessoas foram hospitalizadas e que nenhuma morte foi registrada por conseqüência direta da doença. A origem do surto, o mais grave envolvendo consumo de tomates nos EUA, até agora não foi determinada, apesar dos esforços das autoridades.

Tudo o que sabemos sobre:
salmonelosetomateEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.