China lança primeiro satélite rumo à Lua

Satélite Chang'e é primeira fase em missão que quer aterrissar na Lua em 2012

Marina Wentzel, BBC

24 de outubro de 2007 | 08h45

A China lançou nesta quarta-feira o seu primeiro satélite lunar. O satélite Chang'e 1 foi levado ao espaço pelo foguete Longa Marcha 3-A, que partiu da base de Xichang, na província de Sichuan, sudoeste do país, às 18:05 do horário local (08:05 horário de Brasília). Uma chuva torrencial de três horas preocupou os cientistas no início da manhã (na China) e chegou a ameaçar o lançamento. Mas no começo da tarde o tempo já se apresentava propício, sem precipitações e ligeiramente nebuloso. Cientistas prevêem que o satélite alcançará a órbita da Lua no dia 5 de novembro, podendo enviar fotos à Terra algumas semanas depois, informou a agência de notícias estatal Xinhua. O satélite deverá permanecer em órbita por um ano. Neste período, coletará informações que serão utilizadas em diversos projetos. Um dos estudos envolve a obtenção de imagens 3-D para a análise dos elementos presentes na composição da Lua. O nome do satélite faz referência a uma lenda chinesa na qual uma fada chamada Chang'e voa à Lua. O lançamento do Chang'e é a primeira das três etapas da missão lunar chinesa. Na segunda fase, em 2012, um veículo teleguiado chinês aterrissará na Lua para explorar a superfície do satélite natural. Na conclusão do projeto, em 2017, outro veículo coletará amostras de solo e pedras, que serão trazidas de volta à Terra para estudo. A missão faz parte dos esforços dos chineses de se destacarem na corrida espacial. Em outubro de 2003, o país mandou sua primeira missão tripulada ao espaço, em um foguete desenvolvido nacionalmente. Em 2005, foi lançada a segunda missão tripulada, desta vez com dois astronautas. No começo deste ano, os países ocidentais ficaram alarmados ao constatar que a China já possui tecnologia para armas espaciais. Os chineses destruíram à distância um antigo satélite de previsão do tempo, que estava fora de uso. Mas o país não é o único na Ásia a desenvolver pesquisas relacionadas à Lua. Há poucas semanas, o Japão colocou em órbita seu primeiro satélite lunar. A Índia também planeja lançar uma missão para o astro em abril do ano que vêm.    BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
japãoluaespaçoespacialsondafoguete

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.