China planeja sua primeira caminhada espacial para 2008

Pequim pretende ainda iniciar construção de novas naves de transporte no final de 2009

Reuters,

20 de novembro de 2007 | 13h18

A China enviará três astronautas para o espaço no próximo ano, no que será o seu terceiro vôo tripulado e que ainda contará com a transmissão em tempo real do primeiro passo espacial, segundo informações divulgadas pela imprensa local nesta terça-feira, 20. O governo chinês se converteu em 2003 no terceiro país a mandar um homem para o espaço com a sua própria nave, depois da União Soviética e dos Estados Unidos. O país asiático mandou em outubro de 2005 dois astronautas em um vôo de cinco dias em sua nave, a Shenzhou VI. Pequim planeja agora lançar para o espaço o seu terceiro foguete tripulado, o Shenzhou VII, em outubro de 2008, segundo um artigo de um jornal local reproduzido pelo Shangai Daily. Segundo a matéria, os astronautas devem ficar unidos ao equipamento com um cinturão e poderão caminhar cerca de cinco metros, sendo que o primeiro passo será transmitido em tempo real. A China prevê ainda que nós próximos cinco anos terá produzido uma nova geração de foguetes espaciais transportadores, desenhados para enviar ao espaço satélites e até mesmo estações espaciais. Os equipamentos devem começar a ser construídos no final de 2009.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.