China publica foto da Lua tirada pelo satélite Chang'E I

Região fotografada é parte de uma região de montanhas e é composta principalmente por plagioclase

Efe,

26 de novembro de 2007 | 05h10

A China publicou nesta segunda-feira, 26, a primeira foto da Lua tirada por seu satélite Chang'E I. A imagem foi apresentada pelo primeiro-ministro, Wen Jiabao, no Centro de Controle Aeroespacial de Pequim (BACC, em inglês), informou a agência oficial de notícias Xinhua. A imagem, em preto e branco, mostra a superfície porosa e áspera da Lua com grandes e pequenas crateras. A área coberta pela fotografia, de cerca de 460 quilômetros de comprimento e 280 quilômetros de largura, está compreendida em uma zona entre 70 e 54 graus de latitude sul, e entre 83 e 57 graus de longitude leste, segundo dados do BACC. A região fotografada é parte de uma região de montanhas na Lua e é composta principalmente por plagioclase, um elemento comum na formação de rochas, informa a Xinhua. Além disso, é possível observar crateras de diversos tamanhos, formas e estruturas. Segundo Wen, a China começa nesta segunda-feira a fazer parte do seleto grupo de países que têm capacidade para participar de programas de prospecção espacial. Após a divulgação da foto, Wen disse que o sonho do povo Chinês de viajar à Lua de mais de 1.000 anos começa a se materializar. Acrescentou que o lançamento do Chang'E I, no dia 24 de outubro, não apenas representa o aumento da força nacional chinesa e sua capacidade de inovação tecnológica, mas também seu elevado status internacional e a forte coesão nacional. "Isso demonstra de maneira eloqüente que o povo chinês tem a vontade, a ambição e a capacidade de escrever mais capítulos (na história espacial), enquanto ascende à cúpula da ciência e da tecnologia", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaLuaespaço

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.