Cidade em SP tem 5 casos suspeitos de dengue por dia

SOROCABA - Nos primeiros 15 dias deste ano, a pequena Miguelópolis (SP) teve notificados 82 casos suspeitos de dengue, média de cinco casos por dia. O número já corresponde a quase a metade de todos os casos notificados em 2012, que chegaram a 175. De cada três notificações no ano passado, uma teve a doença confirmada. Este ano, o resultado dos exames ainda não ficou pronto, mas os 20.451 moradores já falam em epidemia de dengue. "Meu filho de um ano foi internado segunda-feira em Franca, porque a Santa Casa de Miguelópolis está uma vergonha, não tinha um médico de plantão", afirmou o morador local Luiz Rodrigues.

José Maria Tomazela,

16 de janeiro de 2013 | 18h29

O menino chegou a ser tratado de pneumonia, até ser confirmada a dengue no hospital de Franca. Rodrigues conta que sua esposa, vários parentes dela e a maioria dos vizinhos já contraíram a doença. "A epidemia não só continua como aumentou e não sabemos que medidas estão sendo tomadas", disse. Muitos casos, segundo ele, não são notificados porque as pessoas tratam-se em casa.

A cidade fica próxima do rio Grande, na divisa com Minas Gerais, e tem lagos na área urbana, além de problemas de saneamento, como lixão a céu aberto. No final do ano passado, sem recursos, a prefeitura demitiu servidores que faziam o controle do mosquito transmissor.

O coordenador de Saúde do município, Roselito Barbosa Gonçalves, informou que a nova administração teve uma reunião com a Diretoria Regional de Saúde de Franca e com a equipe técnica da Superintendência de Controle de Endemias (Sucen) para tentar barrar o avanço da dengue. "Fizemos vários arrastões para destruir criadouros do mosquito transmissor e os agentes estão aplicando inseticida à noite." Segundo ele, o pronto-socorro da Santa Casa passou a funcionar 24 horas. Os casos mais graves são encaminhados para hospitais de Ituverava e de Franca. Segundo Gonçalves, não houve registro de morte causada pela dengue no município.

Tudo o que sabemos sobre:
Miguelópolisdengue

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.