Cidade lança campanha de telemarketing contra a dengue

Araraquara, que já registra epidemia da doença, lança a iniciativa de orientação neste sábado

Da Redação,

11 de abril de 2008 | 20h02

O município de Araraquara, na região de Ribeirão Preto, que teve epidemia de dengue confirmada com 622 casos da doença na quinta-feira, 10, começa neste sábado, 12, um serviço de telemarketing para conter o avanço da moléstia. A epidemia em Araraquara é a primeira registrada no Estado neste ano.   VEJA TAMBÉM Paraíba tem a 1ª morte por dengue hemorrágica no ano Angra dos Reis terá de indenizar filho de vítima da dengue Especial - Acompanhe o avanço da dengue  Casos de dengue no Rio sobem 32% em uma semana Serra diz que enviou brigada contra dengue para interior   Serão cinco funcionários especialmente treinados para telefonar para todas as casas de áreas da cidade onde tenham ocorrido casos confirmados, ou apenas suspeitos, de dengue.   Na ligação, as atendentes alertarão para o risco de dengue na região, irão lembrar os moradores da cidade de procurar por criadouros do mosquito - ensinando como eliminá-los - além de oferecerem orientações sobre os sintomas da doença.   Além dessa ação contra a dengue, neste final de semana a prefeitura de Araraquara concluirá o serviço de nebulização contra o Aedes aegypti em três bairros e promoverá um arrastão em parques públicos por materiais que possam acumular água e se tornar eventuais criadouros.   A prefeitura promove, ainda, o sorteio semanal de televisores. O morador sorteado, assim como os três vizinhos da direita e da esquerda, têm suas casas vistoriadas. Se todas estiverem livres de criadouros, o morador sorteado ganhará um televisor de 29 polegadas.   Até a semana passada, haviam sido sorteadas quatro residências. Apenas um morador não levou o prêmio, por falta de limpeza de seu vizinho e, nesse caso, um novo morador foi sorteado.   Além de Araraquara, outras três áreas do interior paulista estão em alerta por causa da doença. Ribeirão Preto tem 320 casos confirmados, Mogi-Guaçu, 156, e Bauru, 79.   A situação dessas regiões contrasta com a queda de 97% no total de casos de dengue registrada no restante do Estado no primeiro trimestre deste ano. Foram 1.297 registros contra 44.760 no mesmo período de 2007, ano em que São Paulo viveu uma epidemia.

Tudo o que sabemos sobre:
dengueararaquara

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.