National Institutes of Health (NIH)
National Institutes of Health (NIH)

Cientistas chineses descobrem como novo coronavírus entra no organismo

Estudo mostra que o vírus se liga a uma proteína presente na membrana celular; descoberta foi publicada na 'Science'

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

04 de março de 2020 | 16h16

RIO - Em velocidade sem precedentes na história da ciência, especialistas chineses já descobriram os mecanismos pelos quais o novo coronavírus entra no organismo humano. A descoberta, publicada em caráter extraordinário na Science, é crucial para o desenvolvimento de medicamentos, vacinas e novos testes de diagnóstico para o Covid-19.

Segundo o novo estudo, o vírus se liga a uma proteína presente na membrana celular. Ao determinar a proteína que serve de porta de entrada para a doença, os cientistas oferecem um importante alvo para a ação de novas drogas. O próximo passo é ampliar o estudo para definir a estrutura completa dessa proteína.

“Nossas descobertas não apenas lançam luz sobre a compreensão dos mecanismos da infecção viral, como também vão facilitar o desenvolvimento de técnicas de detecção viral e potenciais medicamentos antivirais”, afirmaram os autores, em nota oficial.

O estudo foi realizado por pesquisadores do Instituto para Estudos Avançados de Hangzhou, da Universidade Westlake de Hangzhou e da Universidade de Pequim. Uma das características positivas da nova epidemia é a rapidez com que a comunidade científica vem oferecendo informações sobre o vírus recém-descoberto.

Tudo o que sabemos sobre:
China [Ásia]víruscoronavírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.