BBC/Reprodução
BBC/Reprodução

Cientistas criam tela ultrafina feita de sabão

Bolhas podem projetar até imagens holográficas por meio de vibrações sonoras

BBC

02 Julho 2012 | 10h07

Pesquisadores japoneses desenvolveram uma tecnologia capaz de projetar imagens em uma película de sabão, o que está sendo chamado por seus criadores de a tela "mais fina do mundo".

 

A película de sabão tem suas propridades alteradas por ondas sonoras ultrassônicas e reproduz as imagens, sejam elas planas ou em três dimensões. A mistura que forma as bolhas é mais complexa que a comum usada em brincadeiras infantis, mas o sabão continua como o principal componente da "tela".

 

De acordo com a equipe, não há nenhuma outra película do tipo capaz de reproduzir imagens. "É de conhecimento geral que a superfície da bolha de sabão é uma micro membrana. Ela permite a passagem da luz e pojeta a cor na sua estrutura", afirma Yoichi Ochiai, da Universidade de Tóquio e um dos líderes da pesquisa, em seu blog. "Nós desenvolvemos uma tela ultrafina e flexível usando a mistura de dois líquidos coloidais", completou.

 

As telas tradicionais são opacas, mas a criada por Ochiai e seus colegas varia em termos de reflexos e transparência. Os cientistas conseguiram controlar e explorar essas propriedades com as ondas sonora. Essas vibrações alteram a textura da imagem projetada, fazendo com que ela também sofra alterações.

 

Ao mudar a frequência das ondas, as propriedades reflexivas das bolhas também se alteram, o que significa mudanças na transparência da imagem projetada. "Nossa membrana pode ser controlada com vibrações ultrassônicas. A combinação de vibrações e membranas ultrafinas torna possível a reprodução de imagens mais realistas, distintas e vívidas", completa o cientista.

 

"O sistema contribui para o desenvolvimento de um novo tipo de telas flexíveis, transparente e com imagens definidas", conclui Oichai. A técnica permite que até uma projeção holográfica seja possível caso várias bolhas sejam colocadas juntas para reproduzir uma imagem.

 

A bolha-tela é muito mais resistente que as bolhas de sabão comuns, já que a mistura contém coloides especiais. É possível até que objetos ultrapassem a película sem estourá-la.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.