Cientistas traçam mapa genético do gato doméstico

Pesquisa nos EUA pode ajudar no estudo de doenças humanas.

BBC Brasil, BBC

01 de novembro de 2007 | 10h15

Pesquisadores nos Estados Unidos completaram um mapa genético do DNA de um gato doméstico, segundo artigo publicado nesta quarta-feira pela revista científica Genome Research.Os cientistas acreditam que o trabalho trará benefícios para a saúde dos humanos, já que muitas das doenças hereditárias dos gatos são semelhantes às das pessoas.A gata abissínia de quatro anos chamada Cinnamon ("Canela", em português) foi a primeira espécie doméstica (Felis Catus) a ter o seu DNA mapeado.O mapeamento dos mais de 20 mil genes da gata foi realizado na Universidade de Missouri, nos Estados Unidos.O possível impacto do mapeamento do genoma dos gatos na pesquisa de doenças humanas foi o motivo que levou o instituto de pesquisas americano National Human Genome Research Institute a financiar o projeto, que começou há três anos.Segundo os pesquisadores, o estudo pode ajudar a compreender problemas hereditários relativos ao vírus HIV e à doenças que provocam cegueira.Além disso, o seqüenciamento poderia ajudar no tratamento de gatos domésticos.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.