Cirurgia de Ivo Pitanguy termina após 7 horas e meia

Ivo Pitanguy foi submetido a uma troca de válvula aórtica, substituída por uma prótese biológica

da Redação,

28 de outubro de 2008 | 16h53

O Hospital Samaritano do Rio informa que terminou, depois de sete horas e meia, a operação cardíaca a que foi submetido o cirurgião plástico Ivo Pitanguy, de 82 anos. Segundo a nota do hospital, a cirurgia transcorreu bem, mas não há previsão de alta.   Ivo Pitanguy foi submetido a uma troca de válvula aórtica, substituída por uma prótese biológica. Além disso, foi realizada revascularização do miocárdio, com a colocação de pontes de safena e artéria mamária.   Os diagnósticos pré-operatórios eram de estenose severa da válvula aórtica e doença obstrutiva das artérias coronárias.   A estenose da válvula aórtica leva ao estreitamento da saída do sangue do coração. Isso pode causar grande sobrecarga no músculo cardíaco, dificultando o bombeamento do sangue.   Pitanguy ficará, no pós-operatório, na Unidade Coronariana do Hospital Samaritano do Rio de Janeiro, sob os cuidados de sua equipe médica.

Tudo o que sabemos sobre:
pitanguy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.