Com dieta e exercício físico é possível prevenir diabetes

Estudo mostra ainda que práticas permitem retardar em até 14 anos a aparição da doença

Efe,

22 de maio de 2008 | 20h07

À base de dieta e exercício adequado durante seis anos é possível prevenir ou retardar em até 14 anos a aparição da diabetes, segundo um estudo publicado em um número especial que a revista médica The Lancet dedica a essa doença. Em 1986, um total de 577 adultos com intolerância à glicose de 33 clínicas chinesas foram alocados ao acaso ao grupo de controle ou a um de três conjuntos submetidos a um regime especial, a exercícios físicos e à dieta mais exercícios. Os indivíduos dos três últimos grupos estiveram submetidos à intervenção ativa de um tipo ou outro durante seis anos até 1992 e em 2006 todos os participantes do estudo foram analisados para determinar a incidência da diabetes, das doenças cardiovasculares e da mortandade. Os pesquisadores descobriram que, em comparação com os do grupo de controle, as intervenções no estilo de vida dos outros grupos tinham conseguido reduzir em 51% a incidência da diabetes durante os seis primeiros anos e em 43% em todo o período de 20 anos considerado. A incidência média anual dos casos de diabetes diagnosticados foi de 7% no caso dos submetidos a regime e exercícios físicos e de 11% nos do grupo de controle. Depois de 20 anos, 80% do grupo de intervenção tinha diabetes frente a 93% dos do grupo de controle. Quase não foram registradas diferenças significativas entre os grupos de intervenção ou de controle quanto à incidência das doenças cardiovasculares, à mortalidade por essa causa ou às mortes em geral.

Tudo o que sabemos sobre:
diabetes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.