Gabriela Biló/Estadão - 18/08/18
Gabriela Biló/Estadão - 18/08/18

Começa campanha de imunização de crianças e adolescentes; saiba quais vacinas buscar

No Estado de São Paulo, serão oferecidos imunizantes que protegem contra mais de 20 doenças, entre elas: sarampo, caxumba, rubéola, poliomielite, varicela e meningite

Paula Felix, O Estado de S.Paulo

01 de outubro de 2021 | 10h11

SÃO PAULO - A campanha de multivacinação, com foco na atualização da carteira de imunização de crianças e adolescentes de até 15 anos, será iniciada nesta sexta-feira. 1°, em todo o País. No Estado de São Paulo, serão oferecidos imunizantes que protegem contra mais de 20 doenças, entre elas: sarampo, caxumba, rubéola, poliomielite, varicela e meningite.

No mutirão, os profissionais dos postos de saúde vão verificar a necessidade de doses de reforço, aplicação das vacinas em atraso e também de imunizantes que as crianças e jovens ainda não receberam.

Outro objetivo da campanha é aumentar a cobertura vacinal dessa população com as doses oferecidas gratuitamente pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). Os porcentuais têm apresentado queda nos últimos anos. Em setembro do ano passado, o Estadão mostrou que o Brasil registrou os piores índices de cobertura da série histórica nas principais vacinas no ano de 2019, caso do imunizante contra a tuberculose (BCG), cujo porcentual de crianças imunizadas foi o menor em mais de 20 anos.

Neste ano, em evento da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), foram apresentados dados do Ministério da Saúde que indicaram que a cobertura de vacinação contra tuberculose e sarampo caiu durante a pandemia de covid-19 e as taxas voltaram aos níveis da década de 1980.

A queda da cobertura vacinal pode levar ao reaparecimento de doenças que já estavam erradicadas, que podem causar sérias consequências para crianças e jovens e até a morte.

A campanha será realizada até o dia 29 de outubro e o "Dia V" será no próximo dia 16, quando os postos fixos e volantes vão funcionar das 8h às 17h.

Vacina contra covid-19 para adolescentes

Os adolescentes de 12 a 15 anos que estão no calendário para imunização contra a covid-19 não terão de intercalar as vacinas, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. No caso da vacina contra a gripe, será necessário respeitar o intervalo de 14 dias entre os imunizantes.

Jovens apresentando sintomas respiratórios serão avaliados. "Os profissionais estão orientados a fazer triagem com identificação de paciente com sintomas respiratórios, como tosse, coriza e falta de ar. Os que apresentarem apenas tosse ou coriza poderão receber a vacina, com a orientação para procurar um serviço de saúde. A mesma recomendação será dada aos que apresentarem febre ou mau estado geral, e neste caso a aplicação da vacina precisará ser reprogramada até a recuperação do quadro clínico", informa a pasta.

Veja as principais vacinas da campanha:

DTP e Pentavalente

Difteria: doença respiratória aguda causada pela toxina de uma bactéria que se localiza na garganta

Tétano: doença aguda do sistema nervoso causada por uma bactéria, adquirida por meio da contaminação de ferimentos, mesmo pequenos, com os esporos da bactéria que são encontrados no ambiente. 

Coqueluche: doença infecciosa aguda causada por uma bactéria de rápida proliferação. Ao penetrar no organismo, essa bactéria lesa os tecidos da mucosa do aparelho respiratório

BCG

Tuberculose: causada por uma bactéria que pode se manifestar de forma disseminada (tuberculose miliar) ou na forma de uma infecção respiratória (tuberculose pulmonar). A tuberculose é especialmente perigosa nos primeiros meses de vida do bebê  

Vacina contra a polio - pólio oral (VOP) ou injetável (VIP)

Poliomielite: é uma doença causada por um enterovírus que envolve o trato gastrintestinal e o sistema nervoso. 

Tríplice viral e SCRV

Sarampo: doença de transmissão respiratória, caracteriza-se por febre alta, tosse seca, coriza, vermelhidão e lacrimejamento ocular e erupção cutânea, de evolução da cabeça para o restante do corpo, sintomas que duram aproximadamente uma semana. É particularmente grave em crianças menores de 5 anos, podendo ocorrer diarreia, otite, pneumonia, encefalite, convulsões e morte

Caxumba: doença que causa febre, dor-de-cabeça, dor muscular e edema (inchaço) da glândula parótida e dos gânglios linfáticos sub-mandibulares

Rubéola: caracteriza-se por febre, erupção cutânea e aumento dos gânglios do corpo durando de dois a três dias

Hepatite A

Hepatite A: é o tipo mais frequente de hepatite no Brasil. É causada por um vírus que afeta o fígado, produzindo sua inflamação e prejudicando o seu funcionamento

Hepatite B

Hepatite B: doença grave causada pelo vírus da Hepatite B, que ataca o fígado e pode se manifestar de forma aguda ou crônica. 

Varicela e SCRV

Varicela: conhecida como catapora, caracteriza-se por uma erupção cutânea pápulo-vesicular associada à grande coceira, normalmente no tronco e na face

Febre amarela

Febre amarela: doença febril que pode causar um funcionamento inadequado de órgãos vitais como fígado e rins. Em São Paulo, o tipo circulante é o silvestre, transmitida pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes

HPV

HPV: infecção que causa verrugas em diversas partes do corpo, pode causar câncer de colo de útero em mulheres e verrugas nos órgãos genitais de homens. O principal meio de transmissão do HPV é através de contato sexual com pessoas infectadas

Rotavírus humano G1P1

Rotavírus: gastroenterite que provoca diarreia e vômito, causada pela infecção por Rotavírus

Meningo C

Doença Meningocócica: uma infecção causada por uma bactéria que pode causar meningite (infecção do cérebro e da medula espinhal) e septicemia (infecção da corrente sanguínea)

Meningo ACWY

Meningite tipos A, C, W e Y: Inflamação das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal. Os sintomas incluem dor de cabeça, febre e torcicolo

Pneumo 10 valente

Pneumonia: infecção que se instala nos pulmões

Fonte: Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.