Comer peixe pode evitar cegueira em idosos

Dois novos estudos trazem mais uma razão para uma dieta rica em peixe: prevenção da degeneração macular, a principal causa de cegueira relacionada à idade avançada. Já se sabia que os ácidos graxos ômega 3, encontrados em peixes como o salmão, ajudam a manter a saúde do coração e do cérebro. Os novos trabalhos, publicados no periódico Archives of Ophthalmology, apresentam evidência de que o peixe também protege os olhos. Os novos estudos não representam ainda o grau mais elevado de prova científica, mas confirma descobertas anteriores que também ligavam o consumo de peixe com a prevenção da degeneração macular. Um estudo de 681 americanos idosos do sexo masculino mostrou que os que comiam peixe duas vezes por semana tinham 36% menos risco de degeneração macular. Em outro estudo, que acompanhou 2.335 australianos de ambos os sexos por cinco anos, pessoas que consumiram peixe uma vez por semana tiveram o risco reduzido em 40%. O estudo americano mostra ainda que fumantes praticamente dobram o risco de sofrer da doença, em comparação com pessoas que nunca fumaram. A degeneração macular começa afetando o centro do campo de visão do olho, e progride rumo à cegueira, devagar ou rapidamente, dependendo do tipo da doença. De 6% a 8% das pessoas com 75 anos ou mais sofrem de uma forma avançada do mal. O equilíbrio adequado dos ácidos graxos foi crucial para evitar doenças nos olhos, de acordo com os autores do estudo americano. Os homens que, além de consumir mais ômega 3, consumiram também menos ômega 6 - encontrado em óleos vegetais - tiveram mais benefícios.

Agencia Estado,

10 de julho de 2006 | 17h13

Tudo o que sabemos sobre:
notícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.