Carl Winebarger/NASA
Carl Winebarger/NASA

Condições meteorológicas ameaçam lançamento do Atlantis

Caso a Nasa não consiga lançar o ônibus espacial até dois dias após o previsto, nave só partirá em agosto

Efe

05 Julho 2011 | 15h24

Washington - Uma tempestade tropical nas Bahamas, que avança em direção nordeste em direção a Flórida pode atrasar o lançamento da nave Atlantis, previsto para sexta-feira, dia 8 de julho às 11h26 hora local (12h26 horário de Brasília).

Por enquanto, não há nada decidido, mas os meteorologistas da Nasa (agência espacial americana) observam a evolução da tempestade, segundo indicou nesta terça-feira a porta-voz do serviço meteorológico da Nasa, Kathy Winters.

A previsão aponta um aumento do céu encoberto e 60% de chuvas e tempestades na zona do lançamento para sexta-feira, com especial concentração em torno das 11h da manhã, minutos antes do final da contagem regressiva, assinalou Kathy.

"Nossa principal preocupação para o lançamento são tempestades e raios dentro de um rádio de 20 milhas náuticas", assinalou a meteorologista, que compareceu em entrevista coletiva junto com o diretor de provas da Nasa, Jeremy Graeber, e responsável de carga da missão STS-135, Joe Delai.

Se tivesse que atrasar o lançamento, a Nasa tem uma margem de dois dias para a decolagem do Atlantis, caso contrário, teria que ser adiado até 16 de agosto por problemas de calendário, explicou Graeber.

O Atlantis partirá do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Canaveral (Flórida), para uma missão de 12 dias à Estação Espacial Internacional (ISS) com quatro astronautas a bordo.

O comandante Chris Ferguson, o piloto Doug Hurley, e os especialistas de missão Sandy Magnus e Rex Walheim, chegaram em 4 de julho ao centro espacial para ultimar os preparativos antes do lançamento.

Esta viagem não só será a última da Atlantis, mas a missão final das naves, que deixarão de operar após 30 anos ao serviço da Nasa, e a partir de agora serão as naves russas Soyuz as que levam carga e tripulação à ISS.

Mais conteúdo sobre:
Atlantis Nasa ônibus espacial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.