Diana Polekhina/Unsplash.com
Diana Polekhina/Unsplash.com

Conheça maneiras de modelar o corpo sem cirurgia

Radiofrequência nos seios e injeções e energia eletromagnética altamente concentrada no bumbum são técnicas já utilizadas

Aja Mangum, The Washington Post

02 de abril de 2022 | 05h00

Acredite ou não, existem maneiras de remodelar seu corpo que não passam por dieta, exercícios, bisturis nem sucção de gordura.

Em 2020, a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos relatou uma diminuição nos procedimentos não invasivos de redução de gordura, nos tratamentos de celulite e na tonificação de pele não cirúrgica, mas à medida que saímos lentamente da pandemia, depois de dois anos, os médicos estão observando um aumento no número de pacientes querendo levantar, enrijecer e tonificar seus corpos com a ajuda da tecnologia.

“Uma das maiores tendências que estamos vendo é um interesse crescente no contorno geral do corpo para realmente moldar o corpo ideal”, informa o dr. Arash Moradzadeh, cirurgião plástico e de reconstrução facial em Beverly Hills, Califórnia. “Há paciente que chega pedindo o pacote inteiro.” De acordo com o site Yelp, em 2021 as pesquisas por contorno corporal tradicional aumentaram 35% e por Emsculpt, 24%.

Há uma variedade de tratamentos não invasivos e sem tempo de repouso obrigatório disponíveis, mas não há solução rápida. Os resultados geralmente levam meses para ficarem visíveis. “Os corpos de verão são feitos no inverno”, conta o dr. Paul Jarrod Frank, fundador da PfrankMD. 

Celulite

O bumbum pode sair do esconderijo com o advento do QWO, o primeiro injetável aprovado pela agência sanitária americana (FDA) para tratar celulite moderada a grave em mulheres adultas. “As injeções trabalham para dissolver o acúmulo de colágeno nas faixas fibrosas, que são faixas sob a pele que engrossam e geram a aparência de celulite”, explica o dr. Bruce Katz, do JUVA Skin and Laser Center, em Nova York. A partir de agora, o tratamento está aprovado pela FDA apenas para nádegas, mas o dr. Katz usa uma série de injeções mais profundas em várias direções para tratar também as coxas. Um tratamento de bumbum leva cerca de dez minutos e são necessárias três sessões. Você vai ficar com hematomas por uma semana e um bumbum mais lisinho depois de umas dez semanas. O QWO chegou ao mercado em 2021. E, embora os dados sugiram que os resultados são duradouros, ainda não há certeza absoluta.

Bumbum e braços

Para quem já está em forma, mas quer mais definição, o Emsculpt levanta bumbum e define os braços. “Ele usa energia eletromagnética altamente concentrada e redistribui a gordura através de uma contração muscular de longa duração”, observa a dra. Shirley Madhère, cirurgiã plástica que fundou a Jet Set Beauty Rx. “Geralmente dá resultado com até 19% de redução de gordura e até 1 centímetro de perda de gordura.” O dr. Frank usa o Emsculpt NEO para tratar bíceps e tríceps e diz que uma sessão de 30 minutos equivale a 20 mil flexões de bíceps ou tríceps.

Seios

A idade, o peso e uma possível remoção de implante podem contribuir para a flacidez dos seios. Tradicionalmente, entrar na faca era a maneira ideal de combater a gravidade, mas o BreastTite da InMode oferece uma saída. “É tipo fazer Botox nos seios, melhorando a pele para deixar os seios mais jovens”, afirma o dr. Jacob Unger, da Maxwell Aesthetics, de Nashville. “A cirurgia padrão só interage com o tecido ao longo da linha de excisão, e o BreastTite usa radiofrequência para remodelar e tonificar a pele para gerar um resultado mais elevado e jovem em toda a mama.” É possível evitar um procedimento invasivo combinando com os recursos de tratamento fracionado profundo do Morpheus8 para remodelar o colágeno.

Barriga

O dr. Gregory A. Buford, cirurgião plástico de Denver, e o dr. Paul M. Friedman, de Houston, presidente eleito da Sociedade Americana de Medicina e Cirurgia a Laser, usam EON em pacientes que precisam de uma tonificada abdominal. Este sistema sem toque usa um braço robótico para fornecer simultaneamente laser de redução de gordura e tecnologia de resfriamento da pele, com um desconforto mínimo. Os resultados são visíveis em 12 semanas e as células de gordura mortas são descartadas pelo sistema linfático do corpo.

Para quem quer reduzir a gordura e construir músculos – e consegue tolerar o que mais parecem ser minigolpes de caratê na barriga, combinados com contrações musculares – o TruBody é a melhor opção. Este tratamento usa a tecnologia de radiofrequência TruSculpt iD para derreter a gordura e a estimulação muscular para fazer “um treino bombado”, de acordo com a dra. Nina Desai, especialista em antienvelhecimento de Sugar Land, Texas. “Você tem 50 mil contrações de cada grupo muscular em 15 minutos. Juntos, eles são uma potência que proporciona força e contorno, moldando o físico todo.”

Joelhos e cotovelos

Os pacientes da dra. Anne Chapas adoram o Thermage porque trata a pele flácida e enrugada com uma única visita de 45 a 60 minutos ao consultório. “O Thermage usa tecnologia de radiofrequência para aquecer as camadas mais profundas da pele, que são ricas em colágeno”, explica o diretor da Unionderm, um grupo de dermatologia cosmética com sede em Nova York. “Esse calor faz com que o colágeno se contraia e estimule o crescimento de colágeno novo.” Joelhos e cotovelos ficam visivelmente mais suaves após uma sessão de tratamento, mas os resultados melhoram depois de um período de dois meses a seis meses.

Tom de pele irregular

Um físico recém-moldado merece uma tez rejuvenescida. O BBL Hero utiliza luz BroadBand para tratar danos causados pelo sol, hiperpigmentação, sardas e vermelhidão no corpo. Pulsos de luz rápidos passam sobre a pele para atingir e destruir o pigmento e estimular o rejuvenescimento celular. (O tratamento das costas leva cerca de 10 minutos.) Os pacientes podem sentir o aquecimento da pele, embora não o suficiente para exigir um anestésico tópico. Os usuários devem abster-se de bronzeamento nas semanas anteriores ao procedimento. As pessoas com tons de pele mais profundos, conta a fundadora da Entière Dermatology, dra. Melissa Kanchanapoomi Levin, devem procurar um médico com experiência em pigmentos mais ricos. /TRADUÇÃO DE RENATO PRELORENTZOU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.