Lucas Landau/Reuters
Lucas Landau/Reuters

Contra avanço da covid-19, Rio de Janeiro vai fechar bares às 17h

As medidas vão constar de um decreto municipal e serão anunciadas na manhã desta quinta-feira pelo prefeito Eduardo Paes

Fábio Grellet/RIO, O Estado de S.Paulo

03 de março de 2021 | 23h17

O município do Rio de Janeiro vai adotar medidas mais restritivas de funcionamento do comércio, para tentar combater a pandemia de covid-19. A partir de sexta (5) e a princípio por uma semana (até o dia 12, portanto), bares e restaurantes só poderão funcionar das 6h às 17h, com capacidade máxima de 40% de ocupação.

Entre 23h e 5h, será proibida a permanência das pessoas nas ruas e espaços públicos – a passagem das pessoas, desde que estejam em deslocamento, seguirá autorizada.

As medidas foram definidas durante reunião realizada na noite desta quarta-feira (3) entre o governador interino, Cláudio Castro (PSC), e o prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM), segundo informou a assessoria do governo estadual.

As medidas vão constar de um decreto municipal e serão anunciadas na manhã de quinta-feira, 4, pelo prefeito Eduardo Paes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.