Abbas Dulleh/AP<br>
Abbas Dulleh/AP<br>

Coreia do Norte proibirá entrada de turistas por medo do Ebola

País vetará a entrada de estrangeiros por medo do avanço do vírus. Agências de viagens protestaram contra a medida e ainda não é claro a dimensão do bloqueio

James Pearson, Reuters

23 Outubro 2014 | 10h02

PEQUIM - A Coreia do Norte proibirá a entrada de estrangeiros em viagens turísticas a partir desta sexta-feira, 24. A medida foi tomada diante das preocupações do avanço do vírus Ebola, segundo o que foi relatado à agência de notícias Reuters por agentes de viagens.

No total, 4.910 pessoas já morreram na pior epidemia da doença que se tem registro, enquanto que o número de infectados chegou a 10.015 pessoas, de acordo com levantamento divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta semana. Os casos estão registrados prioritariamente em países da África Ocidental, como Libéria, Serra Leoa e Guiné.

Não está claro se a proibição também se aplicará a turistas e membros da comunidade diplomática e empresarial que mantêm relações com o país. "Acabamos de receber notícias oficiais dos nossos sócios na Coreia do Norte de que, a partir de amanhã , não será permitida a entrada de turistas de qualquer país, independentemente de onde estiveram recentemente", disse Gareth Johnson da Young Pioneer Tours, uma companhia de viagem sediada na China.

Em setembro, foi informado que o país estava aumentando os esforços para detectar os estrangeiros que pudessem estar portando o vírus. Outras agências especializadas em viagens a Coreia do Norte confirmaram as notícias.

"Não sabemos quanto tempo esse bloqueio terá efeito, e devido à natureza mutável da política do país, esperamos que possamos realizar as três viagens que tínhamos programado para 2014", disse Nick Bonner da Koryo Tours, um grupo de viagens com sede em Pequim. 

Mais conteúdo sobre:
Ebola Coreia do Norte

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.