Kari Ho/Efe
Kari Ho/Efe

Coreia do Sul volta a adiar lançamento de foguete espacial

Faltando menos de 17 minutos para o envio do Naro-1 ao espaço, foi detectado um problema na plataforma

Efe,

29 Novembro 2012 | 08h56

A Coreia do Sul adiou o lançamento do foguete Naro-1 (KSLV-1) pela segunda vez, após a fracassada tentativa feita em 26 de outubro, devido a um novo problema detectado na plataforma de lançamento, desenvolvida parcialmente com tecnologia local.

 

O lançamento estava previsto para as 16h locais (5h de Brasília) desde a base espacial da ilha de Naro, localizada 485 quilômetros ao sul de Seul, mas a contagem regressiva foi abortada quando faltavam menos de 17 minutos.

 

Um porta-voz do Instituto de Pesquisa Aeroespacial da Coreia detalhou que foram detectados "problemas" na segunda fase da plataforma de lançamento, e assinalou que a contagem regressiva será retomada assim que eles forem solucionados.

 

A emissora de televisão sul-coreana "KBS", por outro lado, indicou que o lançamento não deverá acontecer hoje.

 

A primeira tentativa, feita no fim de outubro, foi abortada depois de ter sido detectado um defeito em uma peça de fabricação russa entre o foguete e a plataforma de lançamento.

 

O sucesso da operação transformaria a Coreia do Sul no 13º país a enviar ao espaço um foguete desde seu território, e abriria as portas para o desenvolvimento de um foguete de fabricação 100% nacional, o KSLV-2, mediante um programa de três períodos até 2018.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.