Sérgio Dutti/AE
Sérgio Dutti/AE

Corpo de Pinotti será velado na Faculdade de Medicina da USP

Enterro está marcado para às 17 horas no Cemitério da Consolação; Pinotti lutava contra um câncer

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

01 Julho 2009 | 09h54

O corpo do médico e deputado federal José Aristodemo Pinotti, de 74 anos, será velado a partir das 11 horas desta quarta-feira, 1º, no saguão do teatro da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, na Rua Dr. Arnaldo, na região da Paulista. Pinotti lutava contra um câncer de pulmão e morreu na madrugada desta quarta.

 

O secretário Municipal Especial da Mulher faleceu às 4 horas desta quarta no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele lutava contra um câncer nos pulmões. O enterro está marcado para as 17 horas, no Cemitério da Consolação, segundo informações da assessoria da Prefeitura de São Paulo.

 

Nascido em São Paulo, em 20 de dezembro de 1934, Pinotti fez curso primário no Grupo Escolar Marechal Floriano da Fonseca, secundário no Colégio Nossa Senhora do Carmo e Universitário na Faculdade de Medicina de São Paulo. Fez residência no Hospital Pérola Byington e Pós-Graduação em Firenze (Istituto Nazionale dei Tumori Prof. Veronesi), França (Institute Gustave Roussy Prof. Denoix).

 

Cargos de Pinotti

 

Professor Titular e Chefe do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), 1972-1982; Pinotti foi Diretor da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, em duas gestões: 1970-1971 e 1976-1980.

 

Diretor Executivo do Centro de Assistência Integral à Saúde da Mulher (CAISM) da Unicamp, 1985-1986; foi Reitor da Unicamp de 1982 a 1986, mesmo ano em que assumiu como Secretário de Estado da Educação de São Paulo, cargo que ocupou por sete meses. Em seguida, foi nomeado Secretário de Estado da Saúde de São Paulo e Coordenador do Sistema Unificado e Descentralizado de Saúde (SUDS) de São Paulo, 1987-1991.

 

O médico também foi Presidente da Associação Brasileira de Reprodução Humana e Nutrição Materno-Infantil (RENUMI) entre 1975 e 1988. Presidente do Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Campinas, de 1969 a 1971. Trabalhou como Consultor da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) entre 1975 e 1985.

 

Em seguida, assumiu o cargo de Presidente da Comissão Científica do PAISM da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, onde ficou de 1988 a 1992. Após um intervalo de 5 anos, foi nomeado Presidente da Fundação Pedroso Horta, cargo que ocupou de 1997 a 1998.

 

Trabalhou como Coordenador do Centro de Referência da Saúde da Mulher e de Nutrição, Alimentação e Desenvolvimento Infantil (Hospital Pérola Byington) de 1991 a 1998; Deputado Federal eleito em outubro de 1994, também foi membro do Conselho de Curadores da Fundação Padre Anchieta (TV Cultura) de 1986-1995.

Mais conteúdo sobre:
José Aristodemo Pinotti

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.