CORREÇÃO: Há 800 mil diabéticos em Nova York

Favor desconsiderar, por equivocado, o título da notícia publicada às 9h24m. O título correto é o de agora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.