Crianças com câncer têm ‘semana de férias’ para ajudar no tratamento da doença

Projeto Felicidade dá viagem, passeios e festas a menores atendidos em hospitais públicos de todo o País

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

07 Novembro 2015 | 17h26

SÃO PAULO - Hospitais de todo o Brasil que cuidam de crianças com câncer pelo SUS têm um aliado na humanização do atendimento. É quando o grupo de pacientes de cada hospital é encaminhado para uma “semana de férias”. Por cinco dias, eles ficam em um hotel, fazem passeios, vão à praia e visitam museus e parques de diversões. Toda a programação é organizada pelo Projeto Felicidade, que atende cerca de mil crianças e adolescentes por ano.

“O objetivo principal é resgatar a dignidade dessas crianças, com momentos de lazer, fortalecendo o vínculo familiar”, diz Flávia Bochernitsan, diretora geral do projeto. “Temos de enxergar o indivíduo como um todo, não só a doença.”

Em tratamento contra uma leucemia, a estudante Mayra Natali Menezes, de 15 anos, é uma das atendidas pelo projeto. No mês passado, foi uma das debutantes da festa organizada pelo Felicidade, outra ação da entidade. “Quando a gente descobre o diagnóstico de um câncer em um filho, é como se estivéssemos levando um soco. Todo esse acolhimento ajuda a gente a ter mais força”, diz a dona de casa Rosimeire Natali, de 53 anos, mãe de Mayra.

Flávia afirma que, com a crise econômica, as doações ao projeto estão diminuindo. As orientações de como ajudar a iniciativa estão no site da instituição: www.felicidade.org.br

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.