Defesa protocola pedido de liberdade para Abdelmassih

O mandado de prisão preventiva contra ele foi expedido pelo juiz Bruno Paes Straforini

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

18 Agosto 2009 | 15h48

O Tribunal de Justiça de São Paulo informou que a defesa de Roger Abdelmassih protocolou na tarde desta terça-feira, 18, um pedido de habeas-corpus para o médico, acusado de abuso sexual. Segundo o TJ, o pedido será distribuído e encaminhado para o desembargador hoje. A avaliação sobre a liberdade do médico pode sair entre hoje e amanhã.  

 

  • Roger Abdelmassih é preso em SP 
  • Prisão é ilegal, diz advogado
  • Conselho pode rever registro de médico 
  • Mais de 7 mil bebês foram gerados na clínica em SP

     

    Abdelmassih, de 65 anos, foi preso na segunda-feira em sua clínica de reprodução assistida, na Avenida Brasil, zona sul de São Paulo.

     

    O mandado de prisão preventiva contra ele foi expedido pelo juiz Bruno Paes Straforini, da 16ª Vara Criminal, que determinou também a abertura de processo contra o médico. O Ministério Público Estadual (MPE) acusa Abdelmassih de ter praticado 56 estupros contra mulheres, a maioria ex-pacientes.

  • Encontrou algum erro? Entre em contato

    publicidade

    publicidade

    publicidade

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.